VÁRZEA GRANDE

TECNOLOGIA

Inteligência artificial vai aumentar marginalização, diz especialista

Avatar

Publicados

TECNOLOGIA


source
Inteligência artificial vai aumentar marginalização, diz especialista
Giovanni Santa Rosa

Inteligência artificial vai aumentar marginalização, diz especialista

“A inteligência artificial será muito mais poderosa que nós”. A afirmação é de Stuart Russel, professor da Universidade da Califórnia em Berkeley (EUA) e um dos maiores especialistas em ciências da computação no mundo.

Um dos autores de “Inteligência artificial”, livro que é referência acadêmica central no tema, o britânico lança agora no Brasil “Inteligência artificial a nosso favor: como manter o controle sobre a tecnologia” (Cia. das Letras).

Em conversa por e-mail com O GLOBO, Russell, que virou referência no assunto, destaca o avanço impressionante da IA em áreas como a de carros autônomos (“serão mais popularizados nesta década”), mas alerta para seu efeito na desigualdade:

“Mais pessoas serão marginalizadas”,  acredita o cientista.

Leia Também

Russel alerta ainda para o uso da tecnologia  em armas autônomas letais:

Leia Também:  Instagram, WhatsApp e Facebook voltam ao normal após nova instabilidade

“Pode haver impacto devastador comparável ao de bombas nucleares”, afirma.


COMENTE ABAIXO:
Propaganda

TECNOLOGIA

Microsoft fala com Sony e planeja manter Call of Duty no PlayStation

Avatar

Publicados

em

Por


source
Microsoft conversa com Sony e planeja manter Call of Duty no PlayStation
Felipe Vinha

Microsoft conversa com Sony e planeja manter Call of Duty no PlayStation

Após a Sony expressar preocupação com a série Call of Duty , Phil Spencer, diretor da linha Xbox na Microsoft, comentou em seu Twitter que conversou com representantes da empresa a respeito e disse que planeja manter COD como um game multiplataforma nos consoles PlayStation. Vale lembrar que a Microsoft anunciou a compra da Activision Blizzard, produtora da marca, há poucos dias.

“Tive boas conversas nesta semana com líderes da Sony. Confirmei nossa intenção de honrar todos os acordos existentes após a aquisição da Activision Blizzard e nosso desejo de manter Call of Duty no PlayStation. A Sony é uma parte importante do nosso setor e valorizamos nosso relacionamento”, disse Spencer.

A declaração foi bem recebida por fãs na rede social, que elogiaram a liderança do executivo na hora de tomar decisões importantes e em não incitar a guerra de consoles, ao elogiar a concorrência direta da Sony.

Leia Também

Sony demonstrou preocupação

Ao comentar pela primeira vez sobre a aquisição da Microsoft, representantes da Sony demonstraram preocupação especialmente com Call of Duty. “Esperamos que a Microsoft cumpra os acordos contratuais e continue a garantir que os jogos da Activision sejam multiplataforma”, disse a Sony ao The Wall Street Journal. Vale lembrar que Call of Duty já teve um acordo de “exclusividade” com o PlayStation para conteúdo extra, em 2015, durante cinco anos.

Call of Duty: Black Ops Cold War foi o segundo jogo mais jogado do PS5 ao longo de todo o ano de 2021, de acordo com a Sony, perdendo apenas para Fortnite , outro título multiplataforma. Call of Duty também ficou no topo dos jogos mais vendidos do ano nos Estados Unidos, nos últimos 12 meses.

Vale lembrar que a Microsoft pode ou não manter a exclusividade de alguns futuros jogos da Activision Blizzard, como fez com a Bethesda, que também comprou. O game Starfield , um dos mais aguardados de 2022, será exclusivo do Xbox por este motivo, por exemplo.

Microsoft conversa com Sony e planeja manter Call of Duty no PlayStation

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

CUIABÁ

VÁRZEA GRANDE

MATO GROSSO

POLÍCIA

MAIS LIDAS DA SEMANA