VÁRZEA GRANDE

POLÍTICA MT

Lançada pedra fundamental da nova sede do Sesc em Sinop

Avatar

Publicados

POLÍTICA MT


Foto: JUNIOR POYER

Foi lançada a pedra fundamental de construção do Serviço Social do Comércio (Sesc)  no município de Sinop (480 km da capital), na manhã de segunda-feira (21). A solenidade contou com a presença do deputado estadual Dilmar Dal Bosco (DEM), vereadores, autoridades, conselheiros do Sesc e representantes da prefeitura de Sinop.

O projeto contempla a instalação de uma unidade completa, com todos os cinco programas do Sesc: assistência, cultura, educação, lazer e saúde. A obra contará, inicialmente, com 1.200 metros quadrados de construção; será instalada na Avenida Bruno Martini e terá investimentos, inicialmente, na ordem de R$ 4 milhões de reais. 

Dilmar Dal Bosco explicou que a obra do Sesc é uma luta de anos e quem ganha com isso são os colaboradores e o setor empresarial. “Com toda certeza, desde que nós começamos a ajudar para que desse certo de vir essa obra do Sesc, e futuramente do Senac [ Serviço Nacional de Aprendizagem Comercial] para Sinop, sabíamos que junto, a qualidade de vida dos usuários também seria melhor. Quem ganha com isso é a cidade de Sinop, com investimento de mais de R$ 10 milhões de reais e os colaboradores do nosso comércio. O setor empresarial e a comunidade  agradecem a Fecomércio  [Federação do Comércio de Bens, Serviços e Turismo do Estado de Mato Grosso] e o prefeito Roberto Dorner” disse Dilmar.

Leia Também:  Mato Grosso poderá instituir programa "gestante de primeira"

O parlamentar ainda salientou sobre a retribuição que o Sesc tem dado ao estado  e ao setor empresarial. “Setor mais importante na parte social; 90% do nosso setor empresarial são micro e pequeno empreendedor. Eu tenho orgulho da defesa que vocês fazem nos debates conosco, colegas deputados e com o governo do estado. Esse retorno que vocês fazem por Mato Grosso é muito importante e fundamental para a sociedade” finalizou Dilmar.

O Sesc é um espaço dedicado, mantido e administrado pelos empresários do comércio de bens, serviços e turismo e que tem por finalidade planejar e executar medidas que contribuam para o bem-estar social e a melhoria do padrão de vida dos comerciários e suas famílias e para o aperfeiçoamento moral e cívico da coletividade. 

O presidente da Fecomércio Wenceslau Junior, explicou que o Sesc Sinop irá atender toda a população e principalmente, os comerciários locais. “O Sesc precisava estar presente em Sinop, pela importância e referência que a cidade tem para o desenvolvimento econômico do estado. Eu agradeço em especial ao deputado Dilmar Dal Bosco, pois é uma grande satisfação darmos início à construção da 21ª unidade do Sesc em Mato Grosso no polo de referência do nortão e centro regional formado por 30 municípios, que juntos somam quase um milhão de habitantes”, disse Wenceslau Júnior. 

Leia Também:  Deputado questiona o governo estadual sobre disponibilidade de medicamentos para pacientes intubados

Diretor regional do SESC-MT – Serviço Social do Comércio, Carlos Alberto Rissato, disse que a obra tem investimento inicial de R$ 4 milhões e a entrega está prevista para dezembro de 2022. “Estamos construindo em um terreno de 10.600 metros quadrados e com um total de área construída de 1.200 metros. Planejamos a estrutura no conceito de unidade parque, com espaços formatados para serem multiusos, tanto para atividades culturais, quanto para atividades físicas e de recreação, estamos realizados e felizes com esta obra aqui na cidade de Sinop” finalizou Rissato.

Fonte: ALMT

COMENTE ABAIXO:
Propaganda

POLÍTICA MT

Ulysses Moraes já economizou mais de R$ 4,2 milhões aos cofres públicos e continua intensificando seus trabalhos de fiscalização

Avatar

Publicados

em

Por


Foto: Marcos Lopes

Neste primeiro semestre de 2021, o deputado Ulysses Moraes lançou novos projetos, continuou intensificando o trabalho de fiscalização na saúde, bem como apresentou 255 indicações, 41 requerimentos de informações e nove projetos de lei. Vale destacar ainda que em pouco mais de dois anos e meio de mandato, o deputado já economizou mais de R$ 4,2 milhões aos cofres públicos e a meta é economizar ainda mais.

“Tenho uma das equipes mais produtivas em indicações e requerimento de informações e somos a prova de que é possível ter uma boa produção utilizando poucos recursos. Só de janeiro até agora deste ano são R$ 747.900,03 em economia . Esse é o objetivo de todo o meu mandato e fico feliz em saber que mais de R$ 4,2 milhões já foram economizados só recusando privilégios.”, afirmou o parlamentar.

E um dos mais importantes projetos foi o disque-denúncia animal, em que o parlamentar ajuda no combate aos maus-tratos de animais em Mato Grosso.

“Maltratar animais é crime e durante todo o mandato venho recebendo vídeos de animais em situação de abandono, pessoas querendo apoio em adoções, e como gosto muito dos animais resolvi criar o disque-denúncia animal. Assim, posso agir no combate aos maus-tratos de maneira mais efetiva. No mês passado, inclusive, fizemos nosso primeiro resgate que foi da Lessi, uma cadela em uma situação lamentável. Com a ajuda da Polícia Militar fizemos o resgate e já encaminhamos ao veterinário para os devidos cuidados”, disse Moraes.

Leia Também:  Thiago Silva viabiliza melhorias para Jaciara

Agora, a cadela já está melhor, medicada, recebeu o devido tratamento e ganhou um novo lar.  

Outro projeto do parlamentar é percorrer algumas cidades polos e fixar residência por alguns meses para vivenciar de perto a situação de cada local. A primeira cidade foi a de Primavera do Leste em que Moraes residiu por três meses e a atual cidade é a de Tangará da Serra.

“Morar nessas cidades está sendo essencial, porque consigo conversar de maneira mais direta com o cidadão e entender quais são as necessidades do lugar. Assim, posso ajudar no que for possível de maneira mais efetiva. Tenho visto os resultados das fiscalizações e cobranças ao governo de Mato Grosso que estamos fazendo”, destacou o parlamentar.

Além disso, a liberdade econômica passou a ser realidade no estado, esse foi um dos projetos de lei mais importantes de autoria do deputado aprovado. A Lei Complementar Nº 688, de 27 de abril de 2021, do deputado Ulysses Moraes institui a Declaração Estadual de Direitos de Liberdade Econômica. A lei passa agora a ser uma realidade no estado e irá beneficiar 297 atividades econômicas, que não precisarão mais de alvarás ou licenças para funcionar.

Leia Também:  Mato Grosso poderá instituir programa "gestante de primeira"

“Essa é uma vitória para os cidadãos, é a nossa principal pauta e ficamos felizes em conseguir derrubar um insensível veto do governador. O maior objetivo é a desburocratização da economia no estado e sem dúvida nenhuma será um grande avanço na geração de emprego e renda ”, pontuou Moraes.

Vale ainda ressaltar que o parlamentar realizou fiscalizações na área da saúde e o relatório de tudo isso foi entregue na Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) da Covid no Senado Federal. O parlamentar afirma que o Estado de MT precisa responder e ser responsabilizado pelas falhas em documentos de vacinas, demora na entrega de respiradores, falta de leitos, falta de transparência na aplicação dos recursos e por ter os piores índices no combate à pandemia.

“O trabalho não para, posso certamente avaliar que o primeiro semestre de 2021 teve um bom balanço de ações. Novos projetos foram iniciados, a fiscalização não parou e estamos rodando cada dia mais esse estado de norte a sul. Estamos percorrendo cada vez mais cidade e o objetivo para o próximo semestre é intensificar ainda mais nossos trabalhos e economizar mais também”, finalizou o deputado. 

Fonte: ALMT

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

CUIABÁ

VÁRZEA GRANDE

MATO GROSSO

POLÍCIA

MAIS LIDAS DA SEMANA