VÁRZEA GRANDE

POLÍCIA

Polícia Civil cumpre prisão de autor de crime de tortura e homicídio em Rosário Oeste

Avatar

Publicados

POLÍCIA


Assessoria | Polícia Civil-MT

Um dos autores de um bárbaro homicídio ocorrido em Rosário Oeste (128 km ao norte de Cuiabá) teve o mandado de prisão cumprido pela Polícia Civil, na tarde de terça-feira (20.07). O crime ocorreu em 2020, sendo filmando pelos suspeitos que torturaram a vítima antes da morte.

O suspeito de 25 anos teve o mandado de prisão preventiva expedida pela Vara Única do município, após ser identificado nas investigações da Polícia Civil.

O suspeito foi abordado pelos policiais civis da Delegacia de Rosário Oeste em uma residência no bairro Santa Izabel. No momento da prisão, a esposa do procurado tentou impedir a ação policial.

De acordo com as investigações, em maio de 2020 o investigado na companhia de mais dois comparsas cometerem um crime de tortura seguido de homicídio qualificado, vitimando a pessoa de Thaison Silva de Morais, de 26 anos.

A ocorrência causou indignação e chocou a população, em razão dos autores terem arrancado o coração da vítima, sendo todo crime filmado e posteriormente divulgado nas redes sociais. O suspeito é réu e responde na Justiça processos criminais por homicídio qualificado, vilipêndio a cadáver, associação para o tráfico de drogas e por integrar organização criminosa.

Leia Também:  Da Bahia para o noroeste de MT: delegado anseia por uma polícia cada vez mais científica e moderna

Durante diligências para localizar o paradeiro do foragido, os policiais civis descobriram que ele estava em uma casa no bairro Santa Izabel. Com base na informação, os policiais foram até o endereço, onde foi recebida pela esposa do suspeito. A mulher de 30 anos tentou impedir a ação, desacatando e tentando agredir os policiais, sendo então detida junto ao jovem.

Na Delegacia de Polícia a conduzida foi ouvida pelo delegado Gustavo Godoy Alevado e autuada em flagrante por desobediência, resistência e desacato. Já o suspeito preso em cumprimento ao mandado de prisão.

Fonte: PJC MT

COMENTE ABAIXO:
Propaganda

POLÍCIA

Polícia Civil prende dois suspeitos por ameaça e extorsão por dívida de drogas

Avatar

Publicados

em

Por


Assessoria | Polícia Civil-MT

Dois homens que ameaçavam uma família por dívida de drogas foram presos pela Polícia Civil, na sexta-feira (23.07), no município de Jauru (425 km a oeste de Cuiabá), durante diligências para averiguar uma denúncia anônima. 

Os suspeitos de 35 e 30 anos, ambos com passagens e condenações por vários crimes, foram autuados em flagrante pelos crimes de extorsão e desobediência. 

A Delegacia de Polícia de Jauru recebeu uma denúncia anônima sobre uma pessoa que estava sendo ameaçada gravemente por traficantes cobradores, em razão de uma dívida de drogas. 

De imediato os policiais civis foram até o local no bairro Cohab Branca, onde ao chegarem visualizaram os dois suspeitos na casa da vítima. Na ocasião, os dois homens começaram a se alterar e na frente da equipe disseram que iriam matar a vítima por ter chamado a polícia.

Eles também assumiram que estavam no endereço para cobrar a dívida de drogas, e ainda desferiram socos e chutes contra uma das vítimas. 

Leia Também:  Traficante é preso e usuários mantidos em cárcere privado são libertados pela Polícia Civil

A vítima mostrou vários áudios enviados pelos suspeitos por meio de aplicativo de celular. Nas mensagens os autores afirmavam que se a dívida não fosse paga até certo horário, ela morreria. Diante dos fatos os dois suspeitos foram detidos, momento em que tentaram reagir e resistir a ação policial. 

Depois de contidos, eles foram conduzidos para a Delegacia de Polícia de Jauru, interrogados pela delegada Bruna Caroline Fernandes de Laet, e presos em flagrante pelos crimes de extorsão e desobediência. Após a confecção dos autos os conduzidos foram apresentados e colocados à disposição da Justiça.

Fonte: PJC MT

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

CUIABÁ

VÁRZEA GRANDE

MATO GROSSO

POLÍCIA

MAIS LIDAS DA SEMANA