VÁRZEA GRANDE

POLÍCIA

Homem é preso por violência doméstica e mulher tem mandado de prisão cumprido em ações distintas em Rondonópolis

Avatar

Publicados

POLÍCIA


Assessoria/Polícia Civil-MT

Um homem suspeito de violência doméstica foi preso em flagrante pela Polícia Civil, na segunda-feira (19.07), em ação realizada pela Delegacia Especializada de Defesa da Mulher de Rondonópolis (212 km ao sul de Cuiabá).

Os fatos ocorreram no domingo quando durante uma discussão o suspeito empurrou a vítima e começou a agredi-la fisicamente e com ofensas. Durante as agressões, ele também revirou toda a casa, jogando bebidas e comidas pelos cômodos, quebrando panelas, ventilador e outros objetos da residência.

A vítima chegou a acionar a Polícia Militar, porém quando os policiais chegaram ele a segurou e tampou a boca da companheira a impedindo de sair.

No dia seguinte aos fatos, a vítima procurou a Delegacia da Mulher de Rondonópolis para denunciar as agressões sofridas. Imediatamente os policiais da unidade iniciaram as diligências para localizar o suspeito, que foi preso em flagrante por violência doméstica.

Cumprimento de mandado

Em outra ação da Delegacia da Mulher de Rondonópolis, uma mulher considerada foragida da Justiça teve o mandado de prisão cumprido, nesta terça-feira (20).

Leia Também:  Polícia Civil autua escrivão por violência doméstica e posse e porte ilegal de arma e munições

Com os mandados de prisão e busca e apreensão, os policiais foram até o endereço da procurada, no bairro Jardim Liberdade, porém ela já não estava mais morando no local.

Com novas informações sobre o paradeiro da suspeita, os policiais diligenciaram até o bairro Jardim Nova Era, onde foi dado cumprimento ao mandado. A mulher foi conduzida para a DEDM de Rondonópolis para as providências cabíveis e depois colocada à disposição da Justiça.

Fonte: PJC MT

COMENTE ABAIXO:
Propaganda

POLÍCIA

Polícia Civil prende dois suspeitos por ameaça e extorsão por dívida de drogas

Avatar

Publicados

em

Por


Assessoria | Polícia Civil-MT

Dois homens que ameaçavam uma família por dívida de drogas foram presos pela Polícia Civil, na sexta-feira (23.07), no município de Jauru (425 km a oeste de Cuiabá), durante diligências para averiguar uma denúncia anônima. 

Os suspeitos de 35 e 30 anos, ambos com passagens e condenações por vários crimes, foram autuados em flagrante pelos crimes de extorsão e desobediência. 

A Delegacia de Polícia de Jauru recebeu uma denúncia anônima sobre uma pessoa que estava sendo ameaçada gravemente por traficantes cobradores, em razão de uma dívida de drogas. 

De imediato os policiais civis foram até o local no bairro Cohab Branca, onde ao chegarem visualizaram os dois suspeitos na casa da vítima. Na ocasião, os dois homens começaram a se alterar e na frente da equipe disseram que iriam matar a vítima por ter chamado a polícia.

Eles também assumiram que estavam no endereço para cobrar a dívida de drogas, e ainda desferiram socos e chutes contra uma das vítimas. 

Leia Também:  Polícia Civil prende em flagrante assaltante envolvido em roubo em supermercado em Várzea Grande

A vítima mostrou vários áudios enviados pelos suspeitos por meio de aplicativo de celular. Nas mensagens os autores afirmavam que se a dívida não fosse paga até certo horário, ela morreria. Diante dos fatos os dois suspeitos foram detidos, momento em que tentaram reagir e resistir a ação policial. 

Depois de contidos, eles foram conduzidos para a Delegacia de Polícia de Jauru, interrogados pela delegada Bruna Caroline Fernandes de Laet, e presos em flagrante pelos crimes de extorsão e desobediência. Após a confecção dos autos os conduzidos foram apresentados e colocados à disposição da Justiça.

Fonte: PJC MT

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

CUIABÁ

VÁRZEA GRANDE

MATO GROSSO

POLÍCIA

MAIS LIDAS DA SEMANA