VÁRZEA GRANDE

MATO GROSSO

Governo de MT já pactuou 95% das doses recebidas; veja quanto cada município aplicou

Avatar

Publicados

MATO GROSSO


O Governo de Mato Grosso recebeu, até esta quarta-feira (13.10), 4.915.571 doses das vacinas contra Covid-19 do Ministério da Saúde e já pactuou a distribuição de 4.682.919 doses aos 141 municípios do Estado, ou seja, 95% do total recebido.

A disponibilização das doses é resultado da soma da primeira e segunda doses ou doses únicas (4.648.233), acrescida das doses destinadas às populações indígenas aldeadas (54.120) e dos arredondamentos técnicos (34.686) necessários para o ajuste volumétrico dos frascos disponibilizados pelo Ministério da Saúde.

É importante destacar que o ranking de aplicação não considera as doses destinadas aos povos indígenas para evitar qualquer disparidade nos dados. Alguns municípios contabilizavam doses aplicadas em aldeias pertencentes a territórios vizinhos e ultrapassavam o limite de 100% da aplicação.

Das 4.682.919 doses disponibilizadas aos municípios, as prefeituras aplicaram 3.715.756 (78,52%), sendo 2.289.875 como primeira dose ou dose única e 1.295.371 como segunda dose. O percentual da semana passada era de 75,70%.

Os 10 municípios que mais aplicaram vacinas, considerando o percentual de doses aplicadas em relação às doses recebidas, foram: Planalto da Serra (92,51%), Cocalinho (92,50%), Campinápolis (92,10%), Torixoréu (91,83%), Nova Brasilândia (90,03%), Diamantino (89,68%), Nova Guarita (89,39%), Itaúba (89,27%), Nortelândia (89,21%) e Santa Rita do Trivelato (89,15%). 

Leia Também:  Operação do ‘1º Comando Regional Itinerante’ tem reforço das unidades especializadas

Confira o ranking completo de aplicação das vacinas no Boletim Informativo nº 584 ou no Painel de Distribuição de vacinas Covid-19.

A Vigilância Estadual alertou que a utilização de unidades de segunda dose como primeira dose pode comprometer o esquema vacinal da população do município, considerando o fornecimento e as orientações feitas pelo Ministério da Saúde.

Sobre a distribuição

Na força-tarefa da vacinação, cabe ao Governo do Estado fazer a logística de distribuição, que é definida pela Comissão Intergestores Bipartite de Mato Grosso (CIB-MT), composta por membros do Conselho das Secretarias Municipais de Saúde (Cosems) e da Secretaria Estadual de Saúde (SES-MT).

A escolta dos materiais até os 14 polos de distribuição é feita pela Secretaria de Estado de Segurança Pública (Sesp), além das Polícias Federal e Rodoviária Federal e do Ministério da Defesa. O Centro Integrado de Operações Aéreas (Ciopaer) também disponibiliza sua frota aérea para dar celeridade à distribuição.

É importante ressaltar que o Governo Federal define o total de doses que cada estado recebe. Essa definição ocorre de acordo com a quantidade de pessoas que pertencem aos grupos prioritários e não pela quantidade absoluta da população.

Leia Também:  Terça-feira (16): Mato Grosso registra 550.349 casos e 13.973 óbitos por Covid-19
Fonte: GOV MT

COMENTE ABAIXO:
Propaganda

MATO GROSSO

Indea prorroga vacinação contra febre aftosa até 10 de dezembro

Avatar

Publicados

em

Por


O Indea prorrogou o período de vacinação contra febre aftosa até o dia 10 de dezembro, mantendo para a mesma data o prazo para comunicação. O Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa) aprovou a dilação do prazo. Nas propriedades localizadas no baixo pantanal mato-grossense a etapa vai até o dia 15 de dezembro.

A venda de vacinas contra febre aftosa para estabelecimentos rurais de Mato Grosso atingiu um total de 15.699.641 doses em 29 de novembro. Os dados são referentes às notas fiscais inseridas no sistema informatizado do Indea, sem considerar as vacinas compradas em outros estados.

O estoque de 4.195.075 de doses seria suficiente para a conclusão da etapa, porém, atrasos na distribuição e a falta de vacina em alguns municípios provocaram a prorrogação. Os 10 dias a mais serão suficientes para as lojas veterinárias e produtores rurais concluírem a imunização do maior rebanho do Brasil.

Nesta etapa, são vacinados bovinos e bubalinos até dois anos de idade. Desde 2005, as etapas têm alcançado índices de vacinação superiores a 99%.

Leia Também:  CGE realiza campanha interna pela valorização da vida
Fonte: GOV MT

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

CUIABÁ

VÁRZEA GRANDE

MATO GROSSO

POLÍCIA

MAIS LIDAS DA SEMANA